segunda-feira, 23 de agosto de 2010

Da Fundação Guararapes a Escola Profissional de Areias

30 Anos de História e Desenvolvimento



Tudo começou em 24 de novembro de 1980, com o ideal de Tereza Cristina de Vasconcelos Salles, instrutora de Artes e Cleonice Castro Barbosa, Supervisora Pedagógica, ambas pertencentes ao quadro da Secretaria de Educação da Prefeitura da Cidade do Recife.
A Escola era formada inicialmente por quatro instrutoras, que trabalhavam na extinta Fundação Guararapes órgão pertencente à Prefeitura do Recife: a Sra. Rosália de Araújo Paz, Sra. Odete Pessoa da Silva, Sra.Tereza Cristina Salles e a Sra. Maria do Carmo Pessoa da Silva. A princípio funcionava num espaço cedido por uma aluna no terraço de sua casa.
A Fundação Guararapes funcionava como um centro de formação profissionalizante, mantida pela prefeitura com poucos recursos e não tinha um local próprio para funcionamento.
Estas educadoras resolveram procurar um espaço físico definitivo que melhor acomodasse a Escola. Inicialmente foi instalada na Igreja Batista de Afogados ficando por pouco tempo. Depois no Umuarama Tênis Clube e por fim foram cedidas as dependências do Clube dos Industriários com autorização do presidente. Apesar de ter conseguido um espaço fixo, a Escola tinha algumas dificuldades para funcionar, pois o espaço (Clube) além de ser adaptado, às sextas-feiras as aulas tinham que encerrar mais cedo para organizar e limpar o Clube para receber os amantes da vida boêmia que dançavam ao som de Reginaldo Rossi e outros, na segunda-feira as professoras tinham que chegar antes dos alunos para limpar toda sujeira deixada pelos dançarino. As professoras eram responsáveis por todo o funcionamento tanto burocrática como administrativos pessoal.
Algum tempo depois, devido a dificuldades financeiras, o administrador do Clube mostrou desinteresse em manter as atividades recreativas, para que a escola permanecesse funcionando, sendo firmado um acordo entre a Prefeitura da Cidade do Recife e o Superintendente Regional do IAPAS Substituto NOE DE PAULA RAMOS, conforme ofício do IAPAS/RPEG Nº 63/81.
Em 1984, nascia então Escola Mínima Profissionalizante Anexa ao Clube dos Industriários, no bairro de Areias. Eram oferecidos neste período os cursos de Cabeleireiro, Confeitaria, Arte Decorativa, Culinária, Corte e Costura. Sob a responsabilidade da professora Maria Batina Duarte, que veio da Igreja Batista de Afogados juntou-se outros cursos mini-profissionalizantes e a escola começou a crescer e ser conhecida.
Em 1986, na gestão do Sr. Prefeito Jarbas Vasconcelos a fundação passou a ser reconhecida pela prefeitura, e ser chamada de Escola Municipal de Areias, uma justa homenagem ao bairro que a acolheu com muito carinho e atenção e a ser dirigida pela Sra. Maria Betina Duarte, tendo como vice-dirigente a Sra. Jurema Lins Ferreira.
Em 1993, com a aposentadoria da Sra. Maria Betina Duarte, a escola passou a ser dirigida pela Professora Jurema Lins Ferreira e pela Monitora Sra. Lindicéia Santana dos Santos na vaga de vice-dirigente.
Nossa clientela advém de alunos da Rede Municipal na faixa etária a partir de 14 anos, mães da Bolsa Escola, pessoas do bairro de Areias e bairros adjacentes , sendo na maioria donas de casa preocupadas em aprender ou aprimorar seu desenvolvimento profissional nas áreas oferecidas, melhorar o orçamento doméstico ou ter uma renda própria, através da instalação de pequenos negócios na comunidade onde vivem.
A Escola Municipal de Areias tem por objetivo oferecer cursos profissionalizantes a comunidade da RPA 05, Areias e bairros adjacentes, dando prioridade aos alunos da Rede Municipal, e assim, expressar o compromisso com a democratização, a educação com qualidade social e em inserir valores construtivos de identidade cidadã. Somos uma equipe e como tal, trabalhamos com um só pensamento de tornar a escola mais profissionalizante, buscando inserir cidadãos no mercado de trabalho, oferecer condições para uma melhoria da qualidade de vida e o exercício pleno da cidadania.
Dessa forma a Escola Municipal de Areias, se orgulha em ser uma instituição que trabalha para o social, ajudando a minimizar o fantasma do desemprego, agravado pela crise econômica Mundial e muitos destes alunos tomou uma decisão própria, fizeram sua escolha e puderam contar com este estabelecimento para aprender assim a uma profissão, e dar condições para que criem produzam, comercializem seus produtos e possam melhorar a sua condição de vida.

10 comentários:

  1. Nesses 30 anos de existencia a escola sempre procurou atender as nessecidades das pessoas, oferecendo cursos que a comunidade nessecita.
    Daí tomei conhecimento desses cursos com isso resolvi fazer-lo para atender a minha nessecidade, hoje estou concluindo o curso de Informática foi muito útil, que pena que é pouco tempo, mais consegui adquerir muito conhecimento.
    Amanda Souza

    ResponderExcluir
  2. Oi, sou um aluno do curso de informática o que eu tenho pra fala é que eu gostei muito de fazer o curso. Eu aprende mais do que eu sabia.

    ResponderExcluir
  3. Quero contar um pouco da minha tragetória na Escola Profissional de Areias, atualmente estou finalizando o curso de informática, com a Profª Cristiane Martins no horario da tarde. Que por sinal é curto, mas, muito cheio de conteúdo. Aprendi muito juntando com o pouco que sabia. Saí realizada. Já havia feito o de Atendente Administrativo que foi muito gratificante.
    A escola em si precisa de recurssos para melhor nos atender nas obrigações dos cursos, no curso de informática, por exemplo,dos 20computadores da sala,3( três)estão quebrados. Nadjane!!!

    ResponderExcluir
  4. A minha tragetoria nesse curso foi muito legal,aprende muitas coisas novas e botei em evidencia tudo q aprende. Aluna: rayane tayná turno voi da tarde professora:cristeane

    ResponderExcluir
  5. A escola Profissional de Areias foi muito importante para mim, porque trouxe benefícios de conhecimentos já esquecidos e o curso escolhido foi Informática básica. É uma pena porque o curso é muito curto, apenas de 10 dias, gostaria que o curso fosse mais intenso, só assim teríamos mais conhecimentos,porque é muito assunto para pouco tempo.Porém, valeu à pena os 10 dias, sai daqui muito satisfeita do pouco que aprendi. E a professora muito paciente e dedicada com a turma, só tenho que agradecer.


    Aluno(a):Andréa
    Professora: Cristiane
    Monitor: Galileu
    Turno: tarde

    ResponderExcluir
  6. oOi, sou um aluno do curso de informática o que eu tenho pra fala é que eu gostei muito de fazer o curso. Eu aprende mais do que eu sabia

    Aluno(a):feliperafael m
    Professora(o):cristiane
    Estagiario:galileu
    Turma:tarde

    ResponderExcluir
  7. so quero dise que o curso de informatica foi masa.

    Aluno: ramon
    Professora: Cristiane
    Estagiario: Galileu
    Turma: Informatica

    ResponderExcluir
  8. ja tive varias oportunidades,escola faz o possivel
    para atender os alunos,mas tem cursos que passa varias dificuldades.
    como por exemplo.informatica,confeitaria,pintura
    em tecidos,arte decorativa,etc...seria muito bom
    se a secretaria de educação e a prefeitura.pudesse ajudar mas esses alunos.porque e
    desses curso que tem gente que aposta o seu futuro.para um desenvolvimento.

    ResponderExcluir
  9. Com esses 30 anos de existência da escola que vem oferecendo várias oportunidades a quem necessita. Hoje estou finalizando o curso de informática, no turno da tarde, profª Cristiane e estágiario Galileu. Apesar de ter sido muito curto foi mais uma grande experiência que tive, de ter aprendido coisas que não sabia.
    Jadiele de Melo

    ResponderExcluir
  10. Ola. sou eu Galileu vim aqui tambem deixar meu comentario sobre essa turma de Informatica.
    Gostei muito junto com Cris ensinar os alunos que naum sabia de nada! tambem sair aprendendo alguma coisa que naum sabia! obrigados por tudo e todos, prazer em conhece-lo .

    Estagiario: Galilei
    Professora: Cristiane

    ResponderExcluir